27 junho, 2015

O pedal de sempre - BR392 em direção à Rio Grande

Resetei acidentalmente o computador da bike na chegada, mas o importante é que o dia estava bom, ensolarado. A estrada estava tomada pelo aroma do campo e as "preas" estavam aos montes correndo indiferentes à presença da bike no acostamento da estrada. A única frutração foi que após manter uma média de 25Km/h um speedeiro passou voando por mim em torno dos 50km de trajeto e não alcancei o cara. Tenho que treinar mais.

A ponte sobre o canal São Gonçalo sempre dá uma boa foto

Outra foto sobre a ponte

Mais uma!

Parada breve próxima à entrada da vila de Domingos Petroline

20 junho, 2015

Pedal sob friozinho de fim de outono

Estava bem frio pela manhã em Pelotas, algo em torno de 6ºC, mas valeu a pena sair pra estrada. Foram quase dois meses longe da reclinada. Mesmo após dois dias de febres, dores de cabeça e dor de garganta intensa, não quis perder uma rara chance de sair com a bicicleta para andar alguns kilômetros pela BR. A foto do post foi tirada com o celular durante uma parada para um cafezinho no pedágio de Capão Seco.

Chamou a atenção o grande número de aves de rapina caçando nos banhados. Não consegui tirar fotos, mas era algum de tipo de falcão bem grande (algo em torno de 40cm das patas à cabeça). Tinha vários pousados nas cercas próximo à beira da estrada, espreitando suas presas. Estavam totalemente indiferentes às raras pessoas que passam pelo acostamento da BR.

Distância percorrida aprox. 50km, velocidade média 21km/h, aproximadamente 2 horas de pedal.

Pilhas recorregadas para os compromissos intensos de final de semestre (corrreções de provas, correções de trabalhos, leituras, redação de artigos, etc).