14 março, 2010

Domingão e Pampedal

O PEDAL
Mais um domingão cheio daquelas nuvens matutinas, escuras e ameaçadoras. Pois, nem com tais nuvens arrepiei ao pedal de domingo, afinal elas seguidamente acabam indo embora e nos deixando um belo dia pela frente. Cedinho pulei da cama, calibrei os pneus e fui para a praça de esportes de Bagé. Tinha a saída marcada entre 08h00 e 08h30. Para acompanhar este pedal contei com um novo amigo de ciclismo, o Nilo (o cara sabe tudo de bike). Fizemos um pedal show, com vento a favor na primeira metade do trajeto e vento levemente contra na segunda metade. Mais uma vez o verde da soja, o ar da manhã e o cheiro de macela com mel pelos campos deram seu show, sem contar com os carcaras, cardeais e outros pássaros encontrados pelo caminho. Bagé está começando a revelar seu lado mais bonito pelos pedais de minha bicicleta. Uma pena ainda estar sem minha máquina digital. Vamos ver o que descobrirei quando o outuno e o inverno chegarem. A geada se desfazendo deve ser um show a parte.
O pedal durou duas horas e meia e chegou a 44km, contados no ciclocomputador do Nilo. O trajeto foi o mesmo apresentado no post anterior deste blog.

PAMPEDAL
Batizarei carinhosamente assim (PAMPEDAL) esses pedais de domingão pela manhã, os quais só vão encarar aqueles que tiverem realmente afim de colocar o pé no pedal pelas estradas do nosso pampa. Afinal, sair da cama no domingo cedo não é fácil. Ainda mais se for depois de um eventual festerê no sábado. :-)) Se contarmos com uma geada forte daqui a uns meses então... :-))
Já ficam aqui convidados os pedalantes de Bagé para os próximos pedais, sempre no Domingo, com saída entre 08h00 e 08h30 e sempre da Praça de Esportes. Vamos deixar pré-combinado o ritmo sempre leve (cicloturismo) para que o máximo de gente possa participar.

Valeu!!!
Abraços e até o próximo post!!

FRANZ

2 comentários:

  1. Luiz... estava querendo te mandar um email sobre uma reclinada, pergunta de outro amigo, mas não achei teu email na minha lista. Ele queria saber que modelo era esta que está numa foto postada em meu blog. Não recordo a fonte, porque faz tempo. A foto está no post: http://pedalandoeolhando.blogspot.com/2009/06/reclinadasvc-sabe-o-que-sao.html
    É aquela reclinada bem baixa, preta, com rodas grandes, que dentre as fotos está embaixo à esquerda. Se souberes quem faz e onde pode ser vista, mande um email para contato.rl@gmail.com que repasso para ele! Tks!

    ResponderExcluir
  2. Olá Rogério,

    Desculpe demorar tanto a responder.
    Tem diversos visitantes do blog aguardando por respostas minhas.
    Sorteei você para ser o primeiro a ser atendido. :-))

    A bike que falas é python low racer.
    O único cara que fazia ela (a da foto era dele) era o Eduardo da Ipê bikes. Mas este construtor evaporou do mapa. Infelizmente, ninguém mais do mundinho reclineiro ouviu falar dele. É um daqueles grandes talentos está solto por aí com suas ótimas idéias mas que ninguém sabe por onde anda. ;-))
    O link para fotos e projetos completos dessa bike está aqui (http://www.python-lowracer.de/)

    Abração e volte sempre,

    FRANZ

    ResponderExcluir